Pensamentos Imperfeitos

Abril 30 2009


É mesmo assim. Tantas mas tantas vezes que o silêncio nos penetra de modo profundo. Esquecemos o mundo, esquecemos como se fala. Não queremos ouvir nada.


Desejamos Simplesmente Que o Mundo se Cale Para Conseguir Ouvir a Nossa Mente.


Quantas vezes é tanto o barulho que eu não me consigo concentrar em mim mesma? São ruídos de fundo que nos penetram os tímpanos, são revoltas exteriores, discussões, conversas fúteis que conseguiram de algum modo provocar em nós alguma sensação, são preocupações desnecessárias para o nosso rumo... São stresses mal medidos.


É aquele aperto não no coração, mais profundo ainda, onde dói e com força. Esse aperto por vezes, em mim, tende a durar dias e dias. Não sei a razão.

Disse à pouco tempo, "Talvez o meu problema seja pensar demais.".


Devido a uma vez ter perdido o rumo de tudo, tenho medo de perder este. Estou sempre tentando focalizar a essência da vida, que outros detalhes que nos "contagiam" não me façam perder o caminho.

Por vezes não consigo e deixo-me levar, mas tenho a plena noção e consciência de onde me meto e que a determinada altura tenho de sair.


"Respiro, páro e penso para saber o que é melhor."


É isso Inês, ainda não tenho confiança em mim, não me sei dar valor, aos poucos vai lá. Por muito que pareça contrário já me disseram que o facto de pensar sempre que os outros não gostam de mim, que sempre que dizem algo é para me mandar ao chão, e não acreditar quando dizem "Tens valor." não é por falta de confiança em mim mas sim, exactamente, nos outros. Acho que é um pouco dos dois.


Por vezes prefiro ficar em silêncio e pensando à minha maneira com medo que as minhas ideias sejam barbaridades nos ouvidos de outrens. Gosto de falar e pensar, gosto de expressar o meu modo de vida mas apenas com quem merece e com quem tenho a tal "confiança".

 

 

Fiquei em Silêncio Cerrado durante, talvez, demasiado tempo. Estragou-me, corroeu por dentro. Nada é irreversível, é isso que ponho em prática, nada está perdido mesmo nos últimos casos.

 

Há silêncios que não são bons outros até, na minha prespectiva, contrários, tendo a função de conservar o que de melhor achamos ter.



Há silêncios que perdi.

Muitos até. Não consigo guardar para mim.

O que é que acho?

Foi a melhor coisa que fiz até hoje, foi o melhor que perdi.

Dizem que mudei. Es verdad. E ainda bem.


Agora pensem comigo, recuem quem me conheceu antes...

Uma margem de um simples ano !

Foi com esforço, foi com luta, foi cair e levantar vezes e vezes sem conta, foi não desistir. Foi pensar sempre que haveria algo de bom ao fundo do túnel.

 

Esperança?


Sim.

publicado por Bolha às 00:13

Dezembro 25 2008

Ontem a Ceia de Natal, a melhor para mim destes anos todos !


Preparei uma surpresa para a minha família, não foi nada assim de muito especial e nunca pensei que provocasse aquilo que provocou ! Ainda estou em estado de choque. . . =S


Antes de abrirmos as prendas, estávamos todos sentados à roda na sala e eu disse que precisava de ler uma coisa que tinha escrito para todos eles .. .. ..


Então foi assim, 10 pessoas muito queridas para mim a escutarem as palavras que provinham da minha boca, primeiro escutei a minha vó mesmo a meu lado a soluçar, por momentos, à medida que ia lendo levantava a cabeça e via aquele cenário, todos de lágrimas ao canto do olho! Sim, na noite de Natal consegui o quase impossível, fiz chorar a minha família, pessoas que nunca tinha visto chorar, uni todos eles. Não tinha essa intenção, apenas era uma necessidade minha de expressar aquilo que sentia por cada um deles. Um texto muito simples, feito nessa mesma manhã, no qual considerei que não estaria suficientemente bom. Abrimos as prendas com a melhor alegria e carinho de sempre! A minha vó, hoje de manhã, telefonou-me e ainda conseguiu chorar um pouco mais.


A todos eles um muito OBRIGADO ! Eles são os melhores e não os trocava por nada deste mundo.


Posso dizer que ontem toquei com apenas simples palavras ! --'


Se isto não me deu esperança, força e motivação? Fogo nem acreditam !


Este Natal adormeci feliz, porque sabia que todos eles estariam a pensar nos momentos que passámos juntos! Chorei imenso no meu quarto, não sei porquê, apenas precisei. Foi uma emoção demasiado forte. Mas sinto que realizei algo de bom, nunca se sabe o que virá amanhã e por vezes, precisamos de dizer uns aos outros o quanto são importantes na nossa vida.


A vida passa imensamente depressa, tão depressa que por vezes nem temos tempo de lembramo-nos de pessoas que foram e são importantes. Eu? Faço o máximo para que não me esqueça de nenhuma delas!

 

Ainda não estou em mim !


Hoje a minha casa acordou tão alegre ! ^^' . Sinto-me Feliz ! =D


Espero que a vossa ceia também tenha sido especial, porque são estes momentos únicos e irrepetiveis que precisamos para o nosso bem estar .


No ceio da nossa Familia ! =)

 

Agora digam lá que não vale apena viver só para termos estes momentos?


Obrigada à minha família e aos meus amigos que recheiam este mundo de alegria e felicidade. Sem eles a meu lado não tinha piada. Eles dão-me força para continuar!

 

 

publicado por Bolha às 13:21

Um pequeno canto, sabes aquele sitio ? Como é que explico . . . A tua pequena bolha que te separa do mundo na qual pensas, reflectes, sais de ti . . . Voas ! Quando te sentes verdadeiramente livre.
Photobucket
mais sobre mim
Agosto 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
14

16
18
19
21
22

23
24
25
26
28
29

30
31


comentários recentes
tenho muito orgulho em ti <3
Adoro ler o que escreves, vai custar um pouco não ...
Olá mais uma vez, não tenho vindo aqui à tua bolha...
nao acredito ;(fg nem acredito k vou deixar de aco...
http://asnossaspalavrasperdidas.blogs.sapo.pt/Visi...
Será um dia melhor de certeza. =)
Oláá :D Venho só informar-te do meu novo blog : ht...
há vidas tristes.
Equilíbrio é fundamental para a nossa caminhada na...
Oláaa* Minha QuerIda Bolhinha* =)Ontem adormeci co...