Pensamentos Imperfeitos

Junho 02 2009

 

Cerca de nove meses depois, chega a saudade, chega a saudade de dias em que o teu próprio ser se libertou, dias em que descobris-te coisas novas. Chegou os dias que não queres partir, sentes-te ligada a este pequeno lugar, àquela pequena escola que tantas vezes te deixou intrigada, sentes-te ligada a uma terra que desde sempre nunca quiseste estabelecer qualquer ligação.


Sentes-te ligada a pessoas, a lugares, a feitios, a cheiros e rotinas.

 

Sinto-me cheia de saudades.

 

 

Nestes dias a frase tem sido, "É a(o) última(o) . . . do secundário."

 

É o observares de longe todos os acontecimentos e guardares ao máximo cada sorriso, cada expressão, cada palavra, cada conversa porque eu sei, nada irá ser igual.

 

É o perceberes que agora até podias estar mais um ano, é agora que dás sentido a esta realidade em que vives-te. É olhares para as pessoas e pensares para ti: "Não desapareças, que a tua presença permaneça igual."

 

É o queres, a cada momento, absorver tudo o que te rodeia com toda a força que possuis.

 

Encontro-me, de momento, a ser puxada por duas forças contrárias incríveis,

Uma liga-me a novas descobertas, novos ambientes, novos factos e realidades.

Outra liga-me ao meio em que estou.

 

Novo ciclo. Este está a acabar.


Maio 03 2009


Lembrei-me.

Lembrei-me daquele mar profundo, daquelas águas azuis claras, daquele sol que queimava a pele.

Lembrei-me daquele dia, em que corajosamente fui para o fundo do mar.

Com fato de mergulho e garrafa de oxigénio às costas, entrei no mar quente, o sol a pique!


"We go down, ok?", ela dizia.

Segurei a corda com força e algum receio, Meu Deus, e se não conseguir voltar para cima? Afastei os pensamentos e comecei a descer.

Como os meus ouvidos doíam, foi com muito esforço que toquei com os pés naquela areia. Foi a melhor sensação do mundo. Melhor ainda foi aquela, quando olhei para cima! Meu Deus, estava tão lá em baixo!

 


Flutuei, magicamente nadei. Um mundo meu só lá em baixo, que silêncio, tranquilidade. Nadei, rodeie um coral, os pequeninos seres vivendo tranquilamente no seu paraíso.


Como gostaria de lá não sair !


Os peixes nadavam mesmo a meu lado, grandes estrelas do mar estavam à vista.

E tudo se movimentava ao sabor da corrente, que tanto movimentava as algas, os peixes e a mim.


Como gostaria de poder retirar aquela máscara que me segurava à vida ! Deixar-me ficar sentada na areia, ou mesmo deitada, a olhar para um diferente céu, rodeada de um diferente mundo. Um mundo tão mas mesmo tão bom.



Mas tive de voltar.

Foi a melhor experiência e já me tinha esquecido dela.

República Dominicana.


Uma óptima semana ! ^^

 

Obrigada AnonimaFilipa, recebi um miminho.

 

O que me faz sentir uma diva?

Autênticidade.

O meu poder de Reflexão.

Força Interior.

A Felicidade Pura.

O sorriso partilhado.


Fevereiro 17 2009


( Era suposto estar como? Sim, vá, expliquem lá? )


 

Numa noite escura, onde reinava já a Lua no seu gigantesco reino, rodeada de estrelas cintilantes, encontrava-se uma menina à varanda. Olhava para cima, como se algo de fantástico se encontrasse para além daquilo que os seus olhos conseguiam ver. Fechava os olhos e desejava intensamente sair dali, não sabia bem para onde, apenas desejava poder viajar por aí. Definia-se cansada, farta de tudo e de todos, mas sem razão. Apenas não era feita para todo aquele mundo que girava à sua volta. Ninguém a entendia, nem ela mesmo, apenas conseguia sentir aquilo que tanto a perturbava. Pensava para si: "Não sou normal!". Conseguia afastar todos os barulhos provenientes dos carros e toda a luz intensa que lhe feria os olhos, ficando numa bolha só sua. Minutos após minutos passavam, e ela ali ao frio, gelavam-lhe os pés, os dedinhos das mãos, tinha dificuldade em respirar . . . Mas era aquele momento em que se entregava a si mesma. Aquele momento era só seu.


Sozinha na noite, olhando para o céu estrelado, desejando não estar ali.


Imaginação, bocadinhos de histórias, bocadinhos de nada que são meus.


.Tenho saudades.

 

Fechei os olhos.

publicado por Bolha às 19:53

Dezembro 17 2008

 

Olá, que saudades que eu tinha. De dizer apenas aqui, neste espaço, alguma coisa ! ^^'

 

Tem sido fantástico, este movimento citadino, as pessoas de um lado para o outro, o ritmo !

 

Mas também tem coisas não muito boas . . . A cidade é escura, fria e os checos não sabem rir ! Enfim . . . Eles precisam é de umas liçõezitas ! xD

 

 

As vezes sinto falta de desabafar . . .

Por  vezes não vos parece que o tempo corre depressa demais? Querem que o tempo pare, ou não sabem qual a razão para continuarem a andar?

Tenho-me sentido tão cansada nestes dias, não parece meu e isto de facto irrita-me.

Sabem aquela vozinha interior que está constantemente dizendo: "Vá não desanimes". É esta que não posso perder. Afinal todos os dias, todos os momentos, todos os segundos não podem ser sempre bons não é?

 

 Volto para o meu rico Algarve na Sexta !

 

(não está nada de jeito ! =p . Logo inspiro-me. Just to say something!)

 

Estes dias têm sido mudanças repentinas de humor e (des)preocupações. Ou estou off ou on, ou tenho paciência ou nem quero saber, ou tenho alta energia ou estou de rasto, ou entro em pânico ou simplesmente estou na minha, ou quero ir-me embora ou desejo ficar! Sabem? Eu não sei estar de férias, não sei estar sem fazer nenhum! xD É dificil habituar-me! Normal? Acho que não . . . =P

 

 P.s.: Eu vou comentar o mais rapidamente todos os blogs ! Desculpem a sério! =S

 

publicado por Bolha às 13:48

Um pequeno canto, sabes aquele sitio ? Como é que explico . . . A tua pequena bolha que te separa do mundo na qual pensas, reflectes, sais de ti . . . Voas ! Quando te sentes verdadeiramente livre.
Photobucket
mais sobre mim
Agosto 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
14

16
18
19
21
22

23
24
25
26
28
29

30
31


comentários recentes
tenho muito orgulho em ti <3
Adoro ler o que escreves, vai custar um pouco não ...
Olá mais uma vez, não tenho vindo aqui à tua bolha...
nao acredito ;(fg nem acredito k vou deixar de aco...
http://asnossaspalavrasperdidas.blogs.sapo.pt/Visi...
Será um dia melhor de certeza. =)
Oláá :D Venho só informar-te do meu novo blog : ht...
há vidas tristes.
Equilíbrio é fundamental para a nossa caminhada na...
Oláaa* Minha QuerIda Bolhinha* =)Ontem adormeci co...